Informativos e Notícias

06-Mai-2020 14:50

Cuidados no gerenciamento de resíduos sólidos durante a pandemia

Nessa época de distanciamento social é de grande importância o cuidado redobrado no manejo e descarte desses resíduos

Por Univiçosa

O engenheiro ambiental é o profissional responsável pelo gerenciamento de resíduos sólidos seja nos munícipios ou em empresas. Esse profissional propõe soluções para redução da quantidade de resíduos gerados em indústrias, contribuindo assim para a redução dos impactos negativos ao meio ambiente.

Nessa época de distanciamento social, devido à pandemia que estamos vivendo, é de grande importância o cuidado redobrado no manejo e descarte desses resíduos, com objetivo de evitar proliferação do novo Coronavírus em virtude dos resíduos sólidos nos diversos ambientes.

Os resíduos sólidos que tem origem nos serviços de saúde, principalmente aqueles que são decorrentes do tratamento de pessoas com casos suspeitos de COVID-19 ou casos confirmados da doença, devem ser alocados em sacos vermelhos, fechados com lacre e possuir a identificação com o símbolo de material infectante.

Outro cuidado importante, é em relação aos resíduos decorrentes dos domicílios das pessoas que estão em isolamento. Nesse caso, os resíduos devem ser alocados em sacos de lixo, preenchidos, no máximo, com dois terços da capacidade total. Deve-se, ainda, reforçar esse material deixando em sacos duplos, devidamente identificados para que não traga nenhum risco à saúde dos trabalhadores da coleta seletiva.

Ressalta-se que as pessoas que trabalham nessa cadeia do gerenciamento de resíduos sólidos devem utilizar EPIs (equipamento de proteção individual) adequados ao contato com esse material. Os EPIs consistem em luvas, botas e óculos apropriados, sendo que após o uso esses equipamentos devem ser desinfetados e higienizados. Para os veículos de transporte dos resíduos, bem como as unidades de tratamento é indicado o uso de Hipoclorito de sódio 2% durante a higienização.

Destaca-se que, no caso das residências que possuem casos confirmados de COVID-19, os resíduos não devem ser entregues aos trabalhadores envolvidos diretamente na coleta seletiva para que não haja risco de contaminação para esses profissionais. É recomendado que esses resíduos permaneçam armazenados em um local separado durante um período de tempo. Como ainda não se tem conhecimento sobre quanto tempo o novo Coronavírus pode ser transmitido por meio do contato com esses materiais, não é possível determinar um prazo exato para a quarentena dos resíduos sólidos com essa origem.

O gerenciamento de resíduos sólidos sempre foi de extrema importância para a saúde pública, pois faz parte do saneamento básico dos municípios e em épocas de pandemia, o engenheiro ambiental e todas as pessoas que trabalham com o gerenciamento de resíduos sólidos devem ter o cuidado redobrado, a fim de evitar a proliferação da doença.

G1 | globo.com
Deixe seu Recado